Varginha é a primeira localidade a ter 100% das chefias entregues

A DEN (Diretoria Executiva Nacional) recebeu a confirmação, na tarde de quinta-feira (2/8), de que todos os Auditores-Fiscais ocupantes de cargos de chefia nas unidades de Varginha (MG) abriram mão dos postos. A cidade mineira é a primeira a ter 100% de adesão das chefias ao protesto da Classe contra a abritrariedade e o autoritarismo do Decreto 7.777/12 e da Portaria MF (Ministério da Fazenda) 260/12. 

A entrega dos cargos foi sugerida pela Diretoria do Sindicato, que desde o dia 31 de julho disponibilizou modelos de documentos para embasar a formalização do ato. O protesto é uma resposta ao risco inerente às normas editadas recentemente pelo Governo, que passou a ameaçar os Auditores em cargos de chefia com "procedimento disciplinar específico", caso contrariem as disposições do Decreto 7.777/12 e da Portaria MF 260/12.

Dessa forma, a DEN (Diretoria Executiva Nacional) considera que é pertinente a entrega dos cargos de chefia, a fim de que seja preservada a integridade funcional desses Auditores. Para isso, o Departamento de Assuntos Jurídicos preparou dois modelos de documentos: um para as chefias da zona primária e outro para as da zona secundária; além de um abaixo-assinado para que os demais Auditores se comprometam a não assumir os cargos de chefia vagos.

Conteúdos Relacionados