Sindicalistas constatam interação entre aduanas na divisa Brasil/Paraguai

Ao contrário das péssimas instalações e precárias condições de trabalho verificadas pelos integrantes da Frasur (Federação de Arrecadação Fiscal e Aduaneira do Mercosul) em Guaíra (PR), ao visitar a unidade de fronteira da Inspetoria de Mundo Novo (MS), a mais ou menos 20 km do município paranaense, o 2º vice-presidente do Sindifisco Nacional, Sérgio Aurélio Velozo Diniz, o diretor de Relações Internacionais do Sindicato, Fábio Galízia, e os dirigentes do Sitrad (Sindicato dos Trabalhadores Aduaneiros do Paraguai), constataram uma outra realidade.

A unidade tem uma ótima estrutura, com aparelhos de ar-condicionado em perfeito estado. Os Auditores trabalham em salas espaçosas e arejadas com mesas individuais e bons computadores. No local é realizada a fiscalização dos veículos que transitam na divisa do Brasil com o Paraguai e o despacho aduaneiro de cargas terrestres importadas e exportadas. Mesmo com toda essa estrutura está em andamento um projeto de ampliação da unidade.

“Fico feliz com o que vejo aqui. Se existem lugares assim temos que lutar para que isso seja uma regra”, declarou o 2º vice-presidente do Sindifisco. Diniz lembrou do “Projeto Fronteira em Foco” e disse que a intenção com as visitas também é verificar o que mudou depois do projeto. “Se os problemas constatados à época não foram solucionados, vamos cobrar da Administração ações que visem a melhoria das estruturas e condições de trabalho dos Auditores nas fronteiras do país. Essa unidade é um exemplo”, destacou.

Despacho – Apesar do conforto na maioria das instalações do prédio, os Auditores-Fiscais que atuam no despacho de cargas de importação e exportação na unidade de fronteira do Brasil com o Paraguai reclamam de falta de estrutura física. A sala onde eles ficam é pequena e mal arejada. Na fronteira, circulam em média 100 caminhões por dia. Segundo os Auditores do local, às vezes chega a 140 o número de veículos que transitam na fronteira.

Outro problema é a falta de segurança. De acordo com o inspetor da unidade, Auditor-Fiscal Marcos Eidi Yamamaro, a RFB (Receita Federal do Brasil) é o único órgão federal existente na região. Não existe atuação da Polícia Federal e nem da Justiça Federal. Os Auditores-Fiscais atuam numa área de risco, uma vez que na região há muito contrabando e descaminho. ”A gente está com a capacidade bem elevada no que se refere ao movimento de cargas e a tendência é essa demanda aumentar ainda mais, por isso precisamos de segurança”, afirmou o Inspetor. A proteção do local é feita pela Polícia Militar, através de convênio.

Sérgio Aurélio reforçou a necessidade de criação de uma guarda aduaneira para a manutenção da segurança nas localidades fronteiriças e aproveitou para lembrar sobre a importância de haver a integração entre as aduanas da América do Sul.

Os sindicalistas passaram de sala em sala conversando com os Auditores sobre a Frasur e as ações desenvolvidas pela Federação. Também comentaram sobre a Campanha Salarial.

Paraguai – Os Auditores da unidade aduaneira têm boa relação com a administração da aduana paraguaia de Salto Del Guairá. Em visita à unidade, os sindicalistas representantes da Frasur confirmaram a interação. No posto, eles foram recebidos pelo administrador local, Carlos Henrique Gomes de La Fonte, e conversaram com os aduaneiros sobre a Frasur, sobre direitos trabalhistas, sobre as lutas sindicais das representações brasileira e paraguaia e sobre as particularidades da carreira nos dois países.

“Os aduaneiros da América do Sul têm que conhecer as peculiaridades de cada uma das carreiras em cada um dos países membros da Frasur para que se possa concretizar a integração”, reforçou Fábio Galízia.

A visita à unidade aduaneira de Salto Del Guairá também contou com participação do representante sindical do Sindifisco Nacional de Mundo Novo, Auditor-Fiscal Tiago André Hering.

As visitas conjuntas Brasil/Paraguai são uma continuidade do projeto de integração entre Auditores-Fiscais brasileiros e de países vizinhos e foi uma sugestão do Sindifisco Nacional apresentada durante o Congresso da Frasur. 

{yoogallery src=[images/publicacoes/boletins/2012/Outubro/Bol774/Mundo_Novo]}

Conteúdos Relacionados