Greve: ato público em São Paulo reúne mais de 200 Auditores-Fiscais

Nesta quinta-feira (23), quarto dia de greve da categoria, mais de 200 Auditores-Fiscais, de diversas Regiões Fiscais do país, reuniram-se em um ato público na Superintendência da 8ª Região Fiscal em São Paulo. Deflagrada em 20 de novembro, a greve das Auditoras e Auditores-Fiscais pleiteia o cumprimento integral do Plano de Aplicação do Fundaf e alterações no texto do Decreto 11.545/2023, para pagamento do bônus de eficiência conforme acordado pelo governo federal com a categoria em 2016. Este é o terceiro ato realizado, esta semana, pelos Auditores-Fiscais que se reuniram na terça-feira em Brasília e no Rio de Janeiro (veja matéria aqui).  

“É muito importante a participação de todos nesta greve para que o governo conheça nossa disposição de seguir com a luta até que a o acordo de 2016 seja cumprido, até que a lei seja cumprida”, disse o Auditor-Fiscal Isac Falcão, presidente do Sindifisco Nacional. “Essa manifestação aqui em São Paulo, como as outras já realizadas essa semana no Rio e em Brasília, só comprova nossa força e união.” O presidente do Sindifisco conclamou os Auditores-Fiscais que acompanhem a programação dos atos que serão realizados na próxima semana. 

Pela Direção Nacional, também estiveram presentes em São Paulo os Auditores-Fiscais Tiago Barbosa (vice-presidente), Gabriel Rissato (diretor de Estudos Técnicos), Roberto Kasai (diretor de Assuntos de Aposentadoria e Pensões), Patrícia Fiore (diretora-adjunta de Assuntos Parlamentares) e Anibal Rivani (diretor suplente).  

Os Auditores-Fiscais Sérgio Aurélio (coordenador) e Marcus Dantas representaram o Comando Nacional de Mobilização. Entre muitos outros, os Auditores-Fiscais Ubiratan Casarin pelo Comando Local de Mobilização (CLM/SP) e Eric Hato (ex-presidente da DS/SP). Para o coordenador do CNM, Sérgio Aurélio, o ato foi de alto nível e reforçou a união de todos os Auditores nesse importante momento para a categoria. “A participação de todos os setores da Receita é de extrema importância para que nossa mobilização esteja cada vez mais forte”, disse. 

“Tivemos mais de 200 Auditores-Fiscais de 12 Delegacias Sindicais fortemente engajados na mobilização e na greve. Isso nos dá certeza de que seremos vitoriosos”, complementou Marcus Dantas.  

O ex-presidente da DS/São Paulo Eric Hato também afirmou ser essencial a participação de todos os Auditores na greve. “É necessário que todos os colegas adiram ao movimento. Diferentemente do governo anterior, apesar da sinalização positiva do ministro e secretário [Fernando Haddad, Fazenda, e Robinson Barreirinhas, Receita Federal] em relação ao bônus, ainda não nos foi apresentada nenhuma proposta. Portanto devemos seguir a decisão da Assembleia Nacional e toda a orientação do CNM até termos algo concreto”, informou.  Veja abaixo a galeria de fotos. 

Além de Rio de Janeiro, Brasília e São Paulo, serão realizados atos em todas as Regiões Fiscais. Os próximos atos públicos estão programados para 29 de novembro, na 6ª Região Fiscal; 1º de dezembro, na 2ª Região Fiscal; e 5 de dezembro, na 4ª Região Fiscal.  

Operação-padrão 

Em Uruguaiana (RS), foi realizada, nesta quinta (23), operação-padrão no Porto Seco Rodoviário, com verificação documental de mercadorias e dos veículos que ingressaram no recinto aduaneiro. Já no serviço de despacho, os Auditores-Fiscais fizeram as verificações físicas de 100% das mercadorias. 

Conteúdos Relacionados