DS/Belo Horizonte e Direção Nacional realizam seminário sobre Reforma Tributária em Minas Gerais

A Delegacia Sindical de Belo Horizonte, em parceria com a Direção Nacional do Sindifisco, realizou seminário sobre a Reforma Tributária, na segunda-feira (21), na capital mineira. O evento contou com a participação de Auditores-Fiscais, do superintendente-adjunto da Receita Federal na 6ª Região Fiscal, Rodrigo Brito Mendonça, dos deputados Reginaldo Lopes (PT-MG) e Newton Cardoso Júnior (MDB-MG), e de vários outros especialistas. Pela Direção Nacional, os Auditores-Fiscais Isac Falcão (presidente) e Marcelo Lettieri (diretor de Estudos Técnicos) representaram a entidade.

A Reforma Tributária como forma de combater a pobreza foi destacada pelo presidente da DS/BH, Auditor-Fiscal Robson José do Couto, na abertura do evento.

O seminário foi dividido em painéis que debateram temas relacionados à Reforma Tributária, como as desigualdades sociais, política, de gênero e de raça, e a administração tributária. O presidente do Sindifisco Nacional, Isac Falcão, ressaltou a necessidade de uma Reforma Tributária que corrija as iniquidades e a regressividade do sistema tributário brasileiro. “Mais de 50% da tributação ocorre sobre o consumo, penalizando sobretudo a parcela da população de menor renda. Precisamos, ainda, avançar na tributação da renda, riqueza e patrimônio, de forma que melhore a justiça fiscal do nosso sistema tributário”, informou.

No encerramento, o diretor Marcelo Lettieri destacou a importância de se levar em consideração, na Reforma Tributária, as questões de gênero e de raça. “É preciso levar adiante a segunda fase da reforma, prometida pelo governo, de fazer a reforma da tributação, da renda e da riqueza. Defendi também a instituição do imposto de grandes fortunas e o imposto de renda que de fato tribute os super-ricos”.

Abaixo, acesse as matérias da DS sobre o evento.

Abertura

Primeiro Painel

Segundo Painel

Conteúdos Relacionados