Apresentação

É competência da Diretoria de Relações Internacionais e Intersindicais manter contato permanente com entidades representativas de classes dentro e fora do Brasil, além de representar o Sindifisco Nacional em eventos e tratativas com organizações governamentais e não governamentais brasileiras e estrangeiras. Atualmente, o Auditor-Fiscal Kurt Theodor Krause está à frente da pasta.

Também estão entre as atribuições da diretoria participar de encontros, seminários, debates e reuniões diversas que congreguem entidades de servidores de carreiras de Estado. Para isso, conforme estabelece o Estatuto da entidade, a diretoria organiza e mantém um cadastro atualizado de autoridades políticas (nacionais e internacionais), organizações da sociedade civil, sindicatos, federações, confederações, centrais de trabalhadores, fóruns e demais representações associativas de profissionais dos setores público e privado.

Na atual gestão, a pasta tem se dedicado ao cumprimento de uma agenda intensa junto ao Fórum Nacional Permanente de Carreiras Típicas de Estado (Fonacate) e ao Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (Fonasefe). Em atuação conjunta com as duas representações, a diretoria tem buscado maneiras de evitar o avanço de propostas que ameacem o Estado brasileiro, com impacto negativo profundo para a sociedade, como a Reforma Administrativa, a PEC Emergencial e outros projetos encaminhados pelo governo ao Congresso Nacional.

Destacam-se, ainda, neste período, as participações da diretoria no Congresso Panamericano da Internacional do Serviço Público (ISP) e nos conselhos executivos do Movimento de Combate a Corrupção Eleitoral (MCCE) e da Federação dos Funcionários da Arrecadação Fiscal e Aduaneiros do Mercosul (Frasur). Representando o Sindifisco Nacional na ISP e na Frasur, o diretor de Relações Internacionais e Intersindicais, Kurt Krause, participou de encontros realizados em Buenos Aires, em 2019, e, junto ao MCCE, marcou o firme posicionamento da entidade em prol da legalidade, da moralidade e do respeito à Constituição Federal nas eleições municipais brasileiras de 2020.

A Diretoria de Relações Internacionais e Intersindicais tem também a incumbência de dar assistência às Delegacias Sindicais do Sindifisco Nacional, de modo a integrar, uniformizar e maximizar as ações e a troca de experiências entre Auditores-Fiscais.