Denúncia anônima ajuda a apreender ônibus lotado com mercadorias estrangeiras

Uma denúncia anônima resultou na apreensão, em Foz do Iguaçu (PR), de um ônibus lotado de mercadorias estrangeiras irregularmente importadas do Paraguai que seguia para São Paulo, na quinta-feira (26/1). A ação fiscal foi coordenada pelo chefe do Precon (Grupo de Repressão ao Contrabando) da DRF (Delegacia da Receita Federal do Brasil) Foz, Auditor-Fiscal André Ferreira dos Santos.

A abordagem ocorreu quando o veículo se dirigia em direção à rodovia BR 277, saída da cidade. O coletivo, com placa de Mogi Mirim (SP), estava com o bagageiro repleto de cigarros, celulares, tablets e videos-games estimados em R$ 110 mil. Tudo foi encaminhado para o pátio da Receita para os trâmites devidos. Ninguém foi preso.

De acordo com André Ferreira, alguns critérios são utilizados para acatar as denúncias anônimas. “A placa do veículo e o local são primordiais”, diz o Auditor, contando que muita gente tem até boa vontade em denunciar, mas algumas vezes as informações não são suficientes. “Tem gente que liga e dá o nome do motorista. Isso não é suficiente”.

Cascavel – André ainda informou que, na própria quinta-feira (26/1), outra equipe de fiscalização apreendeu outros dois ônibus carregados de mercadorias estrangeiras, especialmente vestuário, em Cascavel (PR).

Conteúdos Relacionados