Delegacias Sindicais fazem primeira reunião para debater os trâmites orçamentários de efetivação do bônus

Após reunião, em 16 de junho, o Comando Nacional de Mobilização (CNM), com a participação da Direção Nacional do Sindifisco e a Mesa do Conselho de Delegados Sindicais (CDS), decidiu que seria mantido o estado de mobilização para acompanhar todas as etapas da implementação e pagamento do bônus de eficiência.

Além de webinares pela Direção Nacional, os comandos locais deverão realizar reuniões após os prazos estratégicos fixados no decreto de regulamentação do bônus, a fim de se avaliar o cumprimento ou não de tais prazos e a necessidade de alguma ação da categoria. A primeira atividade ocorreu em 3 de julho, depois do fim do prazo para a instalação do Comitê Gestor.

Atividades foram desenvolvidas em todo o território nacional como no Rio de Janeiro, onde o diretor suplente do Sindifisco Nacional, Auditor-Fiscal Alexandre Teixeira, e o presidente da DS, Auditor-Fiscal Luiz Fernando Santos Del-Penho, esclareceram dúvidas sobre a assunto. Em São Paulo, a reunião contou com a presença do diretor suplente, Auditor-Fiscal Anibal Rivani, e representantes de 12 unidades do estado de São Paulo. Também houve reunião, dentre outras localidades, em Porto Alegre, Belo Horizonte, Governador Valadares, Espírito Santo e Pará.

Rio de Janeiro
Rio de Janeiro
São Paulo
Porto Alegre
Belo Horizonte
Pará
Conteúdos Relacionados