Diretor de comunicação corrige Folha de São Paulo

Foi publicada, na seção “Painel do Leitor” do jornal “Folha de São Paulo” dessa quinta-feira (8/7), nota do diretor de Comunicação do Sindifisco Nacional, Kurt Krause, sobre a edição infeliz da matéria “Nova regra do governo ameaça paralisar alfândega”, que não deixou clara a opinião do presidente do Sindicato, Pedro Delarue.

“A opinião do presidente do Sindifisco Nacional, Pedro Delarue, não está claramente expressa na reportagem. Na verdade, ele afirma que na fiscalização aduaneira tudo continua funcionando como sempre funcionou. O texto do decreto 6.759 de 2009 reflete exatamente o que determina a lei 10.593 de 2002: o Auditor é responsável por executar e supervisionar as atividades de fiscalização aduaneira, cabendo aos analistas auxiliá-lo no cumprimento dessa atribuição. Delarue não acha que o decreto seja dúbio”, explicitou o diretor na nota publicada pelo jornal.

A DEN (Diretoria Executiva Nacional) reitera sua opinião de que a reportagem foi baseada no apreço ao sensacionalismo em detrimento da correta apuração dos fatos que estavam perfeitamente esclarecidos pelo Sindicato. O equívoco foi ainda mais grave, porque a posição do Sindifisco foi enviada por escrito à “Folha de São Paulo”.

Conteúdos Relacionados