Auditores fazem ato com entrega da Carta de Belém e pauta de reivindicação

 

Os integrantes do CNM (Comando Nacional de Mobilização), o presidente do Sindifisco Nacional, Pedro Delarue, o presidente da DS (Delegacia Sindical) Pará, Iranilson Brasil, e Auditores-Fiscais participantes do encontro “Aduana a serviço da sociedade: diagnóstico e soluções” entregaram ao superintendente da 2ª RF (Região Fiscal), Auditor-Fiscal Esdras Esnarriaga Júnior, a pauta de reivindicações da Campanha Salarial e a ‘Carta de Belém’.

“Fizemos um esforço concentrado nesses dias de encontro e construímos uma Carta que traz sugestões sobre a mudança da legislação, a intensificação de trabalho integrado, defesa profissional e investimento em infraestrutura e pessoal”, explicou o presidente da DS paraense.

“Esperamos contar com seu apoio na valorização da Aduana e dos Auditores-Fiscais. Que as discussões não sejam apenas fruto do evento ocorrido, mas que sejam aprofundadas no Sindicato e na Receita Federal”, endossou Delarue, ao repassar os documentos ao superintendente. 

O sindicalista entregou também um manifesto sobre o PL (Projeto de Lei) 1992/09 produzido pelo CNM. “Acredito no processo democrático e afirmo que parte das pautas apresentadas também são demandas em comum com a administração”.

“Vimos tentando implementar diversas ações, como fixação de pessoal, adicional de fronteira e moradia aos Auditores. A pressão do Sindicato em todas as instâncias é benéfica para todos, porque, às vezes, a administração regional é impedida de fazer articulação para fora da Receita Federal. Acho que conseguimos trabalhar em conjunto em prol da administração, da nossa categoria e em especial da sociedade brasileira”, completou o superintendente Esdras Esnarriaga.

Também participaram da reunião, os superintendentes adjuntos da 2ª RF, Ocenir Sanches e Eduardo Badaró Fernandes.

Conteúdos Relacionados