Arlindo Chinaglia recebe entidades para tratar de indenização de fronteira

A indenização de fronteira foi o tema da reunião com o líder do Governo na Câmara dos Deputados, Arlindo Chinagila (PT/SP), na quinta-feira (23/8), com os presidentes do Sindifisco Nacional, Pedro Delarue, da ADPF (Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal), Marcos Leôncio, e da APCF (Associação Nacional dos Peritos Criminais Federais), Hélio Buchmüller Lima. No encontro, os sindicalistas solicitaram a intervenção do deputado para agilizar a tramitação do PL (Projeto de Lei) 4624/12, que trata do tema.

Os sindicalistas explicaram que o PL foi encaminhado pelo Governo ao Congresso Nacional no início do mês e contempla os Auditores-Fiscais da RFB (Receita Federal do Brasil), Policias Federais e Policiais Rodoviários Federais. De acordo com o projeto, a indenização será paga por dia de “efetivo trabalho” nas localidades estratégicas, no valor de R$ 91. A expectativa é que aproximadamente 4.700 pessoas sejam beneficiadas com a indenização.

Chinaglia se comprometeu a estudar a melhor forma de tentar agilizar a tramitação da proposta. “Na próxima semana, vou me reunir com minha equipe para estudar o PL e ver como podemos ajudar”, garantiu o parlamentar.

Conteúdos Relacionados